Carcereira brasileira que fez sexo com preso na Inglaterra é liberada pela justiça após pagar fiança

A brasileira é acusada de má conduta ao se envolver sexualmente com um prisioneiro
Linda será monitorada pela Justiça (Foto: Reprodução)

Após pagar fiança, nesta segunda-feira (01/07), a agente penitenciária brasileira presa na Inglaterra por fazer sexo com detento em uma cela foi liberada. Linda de Sousa Abreu, de 30 anos, será monitorada pela justiça. A mulher está proibida de deixar Londres.

O ato sexual foi registrado em um vídeo e aconteceu dentro do presídio HMP Wandsworth, na Inglaterra. Linda foi presa no sábado (29/06) no Aeroporto de Heathrow, antes de embarcar para visitar familiares em Madri, na Espanha.

A brasileira é acusada de má conduta em cargo público ao se envolver em ato sexual com um prisioneiro em uma cela de prisão. A defesa de Linda afirmou que a cliente é uma “jovem mãe” e “uma pessoa de bom caráter”.

A próxima audiência do caso deve acontecer no dia 29 deste mês.