Equipe de cinema realiza visita técnica na comunidade do Tumbira para produção de curta-metragem

O projeto foi contemplado no edital n° 01/2023 Lei Paulo Gustavo da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Amazonas

Uma equipe de cinema local encerrou, nesta quarta-feira (21/02), a visita técnica na comunidade do Tumbira, situada na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Rio Negro, para produção do curta-metragem “Meu Herói”.

Etapa importante do processo de pré-produção, a visitação ocorreu durante dois dias e estabeleceu conexão entre diretor e produtores da obra audiovisual e as lideranças comunitárias.

O projeto foi contemplado no edital n° 01/2023 Lei Paulo Gustavo da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Amazonas.

Roberto Brito, uma das lideranças do Tumbira, avalia positivamente o primeiro encontro e acredita que o projeto trará mais desenvolvimento para os comunitários.

“Como liderança e olhando pro desenvolvimento da comunidade no coletivo, todas as coisas que chegam até a comunidade, como o projeto em questão, são de extrema importância pro nosso conhecimento. Então, acho que esse é o primeiro passo pra gente estar começando”, afirmou.

Além do uso da estrutura física e das paisagens da comunidade Tumbira na composição dos cenários, parte do elenco do filme será composta por crianças e adultos que residem na localidade.

Para o coordenador do projeto, que assina a direção e roteiro do curta-metragem “Meu Herói”, o cineasta Bruno Pereira, a visita à comunidade superou as expectativas da equipe.

“É importante ressaltar a receptividade da comunidade, das lideranças comunitárias lá. Foi mais que produtivo, a gente sabe do impacto do projeto na comunidade e as lideranças comunitárias também nos deixaram muito felizes, uma vez que também eles sabem da importância da cultura chegar nos lugares mais longínquos”.

Bruno reforça que o projeto cultural também promoverá oficina de teatro e uma mostra de cinema durante o período da realização do curta-metragem, atividades que também serão abertas para as comunidades vizinhas.

“Estamos muito felizes, estamos aqui já nos preparando para voltar lá em junho e realizar um grande trabalho nessa comunidade. A equipe de produção, todos nós que fomos lá, achamos o lugar muito, muito bonito, dentro daquilo que a gente quer para a nossa obra. Agora é se preparar para voltar e realizar o trabalho”, finalizou.

Cinema na comunidade

Bruno Pereira e parte dos profissionais que integram o grupo de produção do curta-metragem “Meu Herói” também atuam no projeto “Comunidade in Set”, cuja segunda edição foi realizada entre novembro e dezembro de 2023.

O projeto cultural oferece oficinas gratuitas de técnicas de cinema para comunitários, promovendo o acesso e inclusão de crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos, em ações culturais.

As técnicas de roteiro, fotografia, som e captura de áudio, produção, atuação para cinema são repassadas por profissionais do segmento artístico e cultural que possuem experiência no cenário regional e nacional.

Com informações da assessoria