Sete radares de velocidade serão instalados no Rapidão Rodoanel até junho

O objetivo é reduzir o número de acidentes registrados na região
O Rapidão Rodoanel foi lançado em outubro do ano passado (Foto: Divulgaçao)

Para evitar alta velocidade, a Prefeitura de Manaus vai instalar, até o fim de junho, sete radares num trecho do Rapidão Rodoanel Metropolitano, localizado no bairro Tarumã, na Zona Oeste de Manaus. O anúncio foi feito pelo prefeito David Almeida (Avante) durante entrevista para um veículo de comunicação nesta sexta-feira (17/05).

Ainda segundo o gestor municipal, a instalação deve ser feita no trecho que corresponde a Avenida do Turismo. O objetivo é reduzir o número de acidentes registrados na região. No fim de janeiro, o local foi alvo de um acidente com uma carreta que destruiu casas e deixou uma idosa de 65 anos ferida.

“Nós estamos com um planejamento para instalação de sete radares naquele trecho, somente naquele lugar, por 90 dias, sem a cobrança de multa, para que nós possamos assim disciplinar o trânsito, ajudando a diminuir essa incidência de acidentes”, explicou.

Inicialmente apenas o trecho da Avenida do Turismo vai receber os novos radares, mas dependendo da eficácia na redução do número de acidentes no local, a ação pode ser ampliada.

“Posteriormente, depois de 90 dias, vendo as estatísticas, nós possamos talvez avançar para alguma outra via da cidade de Manaus”, informou David.

Outras avenidas

Em abril deste ano, o Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU) divulgou que irá instalar os novos radares de velocidade em cinco avenidas de Manaus, são elas: Avenida do Turismo, Coronel Teixeira, Santos Dumont, Torquato Tapajós e Governador José Lindoso.

Ainda sem data para o início da instalação, os equipamentos irão monitorar, por três meses, sem a incidência de multas, em caráter educativo. Segundo o órgão, os locais escolhidos se baseiam em um estudo técnico feito conforme o registro de acidentes de trânsito com vítimas lesionadas e acidentes fatais.

Conforme o IMMU, os pontos de fiscalização serão precedidos de sinalização da regulamentação de velocidade e informativo de fiscalização seguindo o Código de Trânsito Brasileiro.

Rapidão Rodoanel Metropolitano

Dividido em três etapas, o projeto totaliza 37,8 quilômetros de vias rápidas e modernas, que vão ligar as zonas sul, leste, norte e oeste da cidade. O primeiro trecho da obra entregue nessa segunda-feira (23), com 8,7 quilômetros, inicia no viaduto Lydia da Eira Corrêa, na zona norte, e segue até o encontro das avenidas do Turismo e Santos Dumont, na zona oeste de Manaus.

Em outras duas fases, o projeto parte da avenida dos Oitis, Distrito Industrial II (zona sul), passando pelos ramais do Brasileirinho e Chico Mendes (zona leste) e pelas avenidas Margarita e José Henriques (zona norte).