Antes de partida entre Amazonas e Ponte Preta, atacante Jô é preso

A prisão ocorreu no momento que o time amazonense chegou no Estádio Moisés Lucarelli

O atacante Jô, do Amazonas FC, foi preso por falta de pagamento de pensão alimentícia na noite desta segunda-feira (06/05), em Campinas (SP). A prisão ocorreu no momento que o time amazonense chegou no Estádio Moisés Lucarelli, onde enfrenta o Ponte Preta, pela terceira rodada da Série B do Brasileiro

Jô, que tem passagens pelo Corinthians e Atlético-MG, entre outros clubes, estava no ônibus que levava o clube ao estádio quando ficou sabendo que estava sendo procurado. Ele voltou para o hotel onde a equipe está hospedada e os policiais civis foram até lá cumprir o mandado.

O atacante, que estava escalado pelo treinador Adilson Batista para ser um dos titulares da partida contra o Ponte Preta, foi apresentado no 10º Distrito Policial de Campinas, próximo ao estádio. A informação foi confirmada pelo Baep (Batalhão de Ações Especiais da Polícia), da Polícia Militar.