Brasil vence México e fica em 1º no Grupo D da Copa do Mundo

Como encerrou a fase de grupos na liderança do grupo D, a Seleção Brasileira vai enfrentar na quinta-feira (22/02) o Japão

CBF – Já classificado para as quartas de final do Mundial, o Brasil venceu, na prorrogação, o México, nesta terça-feira (20/02), por 4 a 3, pela última rodada da fase de grupos da Copa do Mundo de Beach Soccer. Os gols do Brasil foram feitos por Edson Hulk (2), Mauricinho e Alisson. O gol de Edson Hulk, que confirmou a vitória, foi marcado no último segundo da prorrogação.

Como encerrou a fase de grupos na liderança do grupo D, a Seleção Brasileira vai enfrentar na quinta-feira (22/02) o Japão, segundo colocado do grupo C, pelas quartas. As duas seleções foram as únicas que disputaram todas as edições do Mundial de Beach Soccer. O Brasil avançou na competição invicto. Além do México, venceu Omã (5 a 3) e Portugal (3 a 2).

“Uma vitória suada. Primeiro dar os parabéns a equipe do México que foi aguerrida do começo ao fim. Graças a Deus conseguimos a classificação, que era o objetivo principal, e agora é focar na próxima fase. Vamos para o mata-mata, quem perder vai para casa. Acredito que esse grupo vem evoluindo dia após dia, jogo após jogo. A gente tem muito a melhorar para que nas quartas de final a gente faça nosso melhor jogo.” afirmou Filipe Silva, ala da Seleção Brasileira.

A partida contra o Japão será na quinta-feira (22), às 8:30h (horário de Brasília) e terá transmissão das diversas plataformas do Grupo Globo, Cazé TV e Fifa+.

O jogo

Com apenas três segundos de jogo, o México abriu o placar logo na saída de bola com Castillo. O Brasil pressionou pelo empate, só que Mauricinho e Catarino erraram os chutes. Com um belo chute cruzado, Edson Hulk deixou tudo igual. A Seleção foi pra cima e Datinha, de voleio, acertou a trave. A partir daí, o Brasil passou a comandar as ações e virou o jogo com Mauricinho, quando restava menos de dois minutos para o final do primeiro período. Ele recebeu na esquerda e chutou no canto oposto do goleiro Gabriel Macias.

Reação mexicana

O segundo período começou com o Brasil pressionando , mas logo no início sofreu uma baixa no time. Zé Lucas acertou a perna do adversário e foi expulso. Ele está do fora das quartas-de-final. Em seguida, faltando 6min 26s, o México empatou com Wbias, de bicicleta. A resposta do Brasil foi também de bicicleta com Alisson, mas Gabriel Macias fez uma bela defesa para o México. A Amarelinha buscava o terceiro gol. Bruno Xavier acertou duas bolas consecutivas na trave. O goleiro da equipe mexicana também faz boas defesas no fim do segundo tempo.

O Brasil começou bem o terceiro período com tentativas de Alisson, de bicicleta, e Felipe, que quase marca um golaço, mas a bola acertou a trave. A Amarelinha pressionou. Bruno Xavier, Mauricinho e Catarino arriscaram, mas não acertaram o gol. Até que Alisson colocou o Brasil na frente novamente. Com os brasileiros desatentos, o México tentou se recuperar no jogo e Maldonado, de cobertura, empatou o jogo, quando faltava um minuto pra encerrar o terceiro tempo.

A partida seguiu para a prorrogação. O Brasil continuou forte, mas só conseguiu o gol da vitória no último segundo com Edson Hulk.