CMM aprova pedido de urgência para empréstimo de R$ 580 milhões à Prefeitura de Manaus

A votação ocorre cinco dias após decisão do desembargador Jorge Lins

A Câmara Municipal de Manaus (CMM) aprovou, nesta segunda-feira (22/04), o pedido de urgência que autoriza a Prefeitura de Manaus a emprestar R$ 580 milhões do Banco do Brasil. Agora, o Projeto de Lei 069/2024 vai à 2ª Comissão de Constituição, Justiça e Redação.

O pedido de urgência foi aprovado com 22 votos a favor. Os vereadores contra somaram apenas 17 votos. O resultado demonstra que o prefeito David Almeida (Avante), mesmo com as mudanças na janela partidária, ainda tem a maioria na Casa Legislativa.

Entre os favoráveis chamou a atenção o voto do vereador Marcel Alexandre, que acabou de migrar para o Partido Liberal (PL) – sigla que tem o Capitão Alberto Neto como pré-candidato à Prefeitura de Manaus. Já o vereador Marcelo Serafim, que votou contra, usou as redes sociais para comentar a aprovação.

A votação ocorre cinco dias após decisão do desembargador Jorge Lins que derrubou na quarta-feira (17), a liminar que suspendia a tramitação na Câmara Municipal de Manaus da proposta do Executivo Municipal.

Em sua decisão, o desembargador Jorge Lins destacou a importância do empréstimo para investimento na melhoria dos serviços públicos. Ele ressaltou que manter a decisão anterior até o final da ação é um “risco de dano grave, de difícil ou impossível reparação”.