Djidja Cardoso, ex-sinhazinha do Boi Garantido, morre em Manaus

Djidja defendeu o item sinhazinha da fazenda do Boi Garantido entre 2016 e 2020
Atualmente, Djidja coordenava uma rede de salões de beleza (Foto: Reprodução)

A empresária e ex-sinhazinha do Boi Garantido, Djidja Cardoso, de 32 anos, foi encontrada morta nesta terça-feira (28/05). A causa da morte não foi informada pela família.

Djidja defendeu o item sinhazinha da fazenda do Boi Garantido entre 2016 e 2020. Após se aposentar da arena, passou a trabalhar ao lado da família no comando de uma rede de salão de beleza no Amazonas: o Salão Belle Femme.

Nas redes sociais, o estabelecimento informou que todas as unidades estarão fechadas nesta terça-feira “por motivo de força maior”.

Amigos, familiares e outros personagens importantes do cenário bovino usaram as redes sociais para prestar homenagens. A ex-sinhazinha do boi Caprichoso, Thainá Valente, que disputou o item com Djidja, lamentou a morte dela.

VEJA O VÍDEO: