Novo presidente do Irã reafirma apoio do país à luta dos povos do Líbano e da Palestina contra Israel

Política externa regional do Irã não deve mudar com o novo governo
Político da ala reformista, Masoud Pezeshkian foi eleito como o novo presidente do Irã (Foto: Reprodução)

O presidente eleito do Irã, Masoud Pezeshkian, reafirmou, nesta segunda-feira (08/07), que o novo governo do país vai manter o apoio a luta dos povos do Líbano e da Palestina contra o regime sionista de Israel. Conforme a imprensa do Irã, o novo mandatário do país afirmou que os movimentos de resistência em toda a região não permitirão que as “políticas criminosas” de Israel, principalmente, em relação aos palestinos continuem.

“A República Islâmica sempre apoiou a resistência dos povos da região contra o regime sionista ilegítimo”, disse Masoud Pezeshkian em uma mensagem ao secretário-geral do Hezbollah, Sayed Hassan Nasrallah, líder do grupo libanês aliado do Irã.

Conforme analistas internacionais, as declarações do presidente eleito do Irã indicam que o país persa deverá manter as atuais políticas regionais do novo governo. “Estou certo de que os movimentos de resistência na região não permitirão que esse regime continue com suas políticas criminosas e belicistas contra o povo oprimido da Palestina e outras nações da região”, disse Pezeshkian à mídia iraniana.

Tanto o Hezbollah, no Líbano, quanto o Hamas, na Palestina, são grupos apoiados pelo Irã na região, conhecido como Eixo de Resistência. Israel não comentou sobre as declarações de Masoud Pezeshkian.

Com informações das agências internacionais de notícias e da mídia do Irã