Menezes denuncia vazamento de áudio fake onde supostamente fala de ‘pegação entre oficiais’

Coronel Menezes formaliza denúncia da Delegacia de Crimes Cibernéticos contra áudios manipulados

O pré-candidato a vereador de Manaus pelo Partido Progressistas, Coronel Menezes, registrou um Boletim de Ocorrência (BO) na Delegacia Especializada em Repressão aos Crimes Cibernéticos (DERCC), localizado na Delegacia Geral, na noite desta quinta-feira (06/06), para denunciar o vazamento de áudios manipulados. Em um dos arquivos compartilhados em grupos no WhatsApp, o militar supostamente fala sobre fazer “putaria com oficiais” do Exército.

Na ocasião, Menezes abriu uma notícia crime para que o autor da gravação criminosa e os propagadores da montagem sejam responsabilizados.

“Não é possível mais admitir que este tipo de crime fique impune. Se não tomarmos as devidas providências legais, outras manipulações serão feitas prejudicando nossa imagem, ainda mais com a proximidade das eleições municipais”, comentou.

No áudio, a voz que seria o coronel se refere às oficiais mulheres.

“A gente vive sem negócio? A gente não mexe nas oficiais. O resto é com a gente”. A conversa se refere a um suposto envolvimento sexual entre militares.

Portais de notícias que divulgaram os supostos áudios excluíram as publicações.

VEJA O VÍDEO: